PSD louva papel das IPSS e destaca novo Fundo Social Ajuda+

O Grupo Parlamentar do PSD enalteceu, hoje, o papel do Centro Psicopedagógico da Sagrada Família e a importância que esta Instituição representa, há mais de sessenta anos, na Região.  Um exemplo do trabalho meritório que as várias IPSS têm...

PSD louva papel das IPSS e destaca novo Fundo Social Ajuda+
O Grupo Parlamentar do PSD enalteceu, hoje, o papel do Centro Psicopedagógico da Sagrada Família e a importância que esta Instituição representa, há mais de sessenta anos, na Região.  Um exemplo do trabalho meritório que as várias IPSS têm vindo a desenvolver e que se reforça através de um novo apoio, criado pelo Governo Regional – “o Fundo Social Ajuda +” – no valor aproximado aos 2 milhões de euros.  “Não existe mitigação das desigualdades nem temos coesão social se não apostarmos num trabalho solidário e de intervenção comunitária como aquele que as Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) desenvolvem no terreno e é isso que o Governo Regional pretende reforçar, através de um novo apoio, o Fundo Social Ajuda +, ao qual estas entidades podem, a partir de agora, candidatar-se, para reforçar os seus meios e a sua atuação, em prol das nossas crianças, jovens e famílias”. A afirmação é da deputada Rubina Leal que, neste sábado e no âmbito de uma visita do Grupo Parlamentar do PSD ao Centro Psicopedagógico da Sagrada Família, fez questão de frisar não só a importância que estas IPSS assumem como complemento ao trabalho social que o Governo Regional diariamente concretiza como, também, o anúncio de um novo apoio que, inserido no contexto da COVID19 e num montante de cerca de 2 milhões de euros, passa a estar disponível a estas Instituições, para auxiliá-las nas suas necessidades e na necessária adaptação às normas de contenção e combate à pandemia. Efetivamente, “temos, hoje em dia, uma necessidade imperiosa de que estas Instituições Particulares de Solidariedade Social ajudem e auxiliem os Governos no sentido de ultrapassarmos, conjuntamente, esta situação de crise”, explicou a deputada, acrescentando que, neste enquadramento, todas as ajudas e todos os apoios que possam vir a ser consagrados para sustentar este trabalho na comunidade são fundamentais. “Foi isso que o Governo Regional fez, ao criar mais este Fundo e ao acautelar e permitir que estas Instituições possam candidatar-se e possam encontrar forma de reforçar todas as condições para intervir e os meios necessários, neste caso, para evitar a contaminação, para adaptar as suas instalações e para prosseguir um trabalho que, nesta fase de pandemia, ainda se revela mais importante, a favor das nossas famílias”, disse, sublinhando que sem meios e sem recursos é difícil trabalhar as situações, estar no terreno e cumprir a missão para a qual estas Instituições estão vocacionadas. “A pandemia ainda não terminou e todos nós temos de ter uma atenção e um comportamento adequado e responsável e a verdade é que estas instituições, que muito têm auxiliado e apoiado a nossa comunidade, estão, de facto e a partir de agora, ainda mais dotadas de meios para fazer face a esta problemática, sendo este novo apoio encarado, pelo Grupo Parlamentar do PSD, como mais um grande contributo para o excelente trabalho que vem sendo feito, a favor de todos”, rematou.